Tirar CNH: os 6 passos para se tornar motorista

 

Tirar CNH: os 6 passos para se tornar motorista

Para tirar CNH – Carteira Nacional de Habilitação, além de procurar por uma autoescola, é necessário seguir 6 passos. Só assim o aspirante pode, realmente, se tornar um motorista. Como o procedimento pode gerar algumas dúvidas, resolvemos listar as etapas e esclarecer algumas questões relacionadas a regras e prazos.

É importante lembrar que para obter a primeira habilitação é preciso ser aprovado nos exames psicotécnico, conhecimentos em legislação de trânsito, prático de direção veicular e aptidão física e mental.

 

Pré-requisitos para tirar CNH

Em primeiro lugar, os interessados devem cumprir os seguintes pré-requisitos:

  • Ter 18 anos completos;
  • Ser alfabetizado (ler e escrever);
  • Documento de identificação (RG);
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF);
  • Comprovante de residência.

 

1. Fazer a inscrição para tirar CNH

O candidato precisa preencher o formulário de inscrição online e realizar o pagamento da taxa de inscrição.

Esse cadastro também pode ser realizado pessoalmente nos Departamentos de Trânsito, Ciretran ou Centro de Formação de Condutores (CFC).

 Após a pandemia o prazo para concluir o processo de obtenção da PPD (Permissão para Dirigir), que era de 12 meses, foi ampliado para 18 meses a contar da data de inscrição. 

 

2. Realizar exames psicotécnico e de aptidão física e mental (médico)

Os exames podem ser agendados por telefone (pelo número da Clínica que consta na taxa de inscrição inicial) ou pessoalmente no Detran. Na maioria das vezes não é possível escolher o local de realização do exame, apenas data e horário de acordo com a disponibilidade das clínicas.

A taxa deve ser paga no dia do exame e a forma de pagamento é somente em dinheiro. Na clínica também será tirada a foto que vai constar na PPD.

No mesmo dia, o resultado dos exames é informado ao candidato e, caso haja reprovação, o motivo também será explicado. Após ser considerado apto, é possível optar por um CFC credenciado pelo Detran para começar as aulas.

 

Receba novidades em seu email

 

3. Fazer o curso teórico 

De caráter obrigatório, o Curso de Legislação deve ser cursado por, no mínimo, 45 horas/aula. 

Os candidatos podem acessar as aulas por meio de biometria, controle de cada CFC.

Depois de terminar o curso, é preciso realizar o pagamento do DAE (Documento de Arrecadação Estadual) da Prova de Legislação e efetuar o agendamento do exame teórico.

 

4. Realizar o exame teórico

É possível efetuar o agendamento da prova pelo site do Detran, em uma autoescola ou em uma sede do departamento de Trânsito.

O candidato não poderá escolher o horário da prova, somente dia, local e turno. Para aprovação no exame é necessário ter pontuação igual ou maior que 21 pontos.

Como proceder em casos de:

 

Cancelamento de agendamento

Para mudar a data da prova, é preciso comparecer ao Detran e pedir pelo cancelamento em até 48 horas úteis antes da data da prova.

 

Reagendamento

Será possível agendar uma nova data para realizar a prova, somente 24 horas após o cancelamento. O procedimento pode ser realizado pelo site.

 

Reprovação do candidato

Após 15 dias, o candidato poderá fazer um novo exame desde que pague novamente o DAE.

 

Ausência

 Caso não compareça à Prova de Legislação, o candidato poderá agendar um novo exame somente depois do pagamento de um novo DAE.

 

Artigos Relacionados

 

5. Fazer curso prático

Depois de aprovado na prova de legislação, o candidato deverá realizar o pagamento da taxa de Licença de Aprendizagem de Direção Veicular (LADV) antes de começar as aulas práticas.

 Tanto para a categoria A (motos) quanto para a categoria B (automóveis), para tirar CNH, é preciso fazer no mínimo 20 horas/aula de prática de direção veicular em via pública,  e uma hora/aula deve ser, obrigatoriamente, no período noturno. Leia também o artigo Categorias de CNH: Conheça os 5 tipos de carteira de motorista.

 

6. Realizar o exame prático

Para agendar o exame prático de Direção Veicular é preciso efetuar o pagamento do Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) referente ao exame de Direção.

Desse modo, a prova será agendada pelo CFC. Horário, local e dia são escolhidos pela Delegacia de Trânsito correspondente à cidade do candidato.

Em casos de:

 

Reprovação

Se o candidato for  reprovado, será possível fazer um novo exame depois de 15 dias, mediante um novo pagamento.

 

Ausência

O candidato que não for ao Exame de Direção Veicular poderá agendar um novo exame, depois de pagar o DAE novamente.

 

Valores para tirar a CNH

Em São Paulo os valores médios para tirar CNH são:

  • Exame médico (aptidão física e mental): R$96,00.
  • Caso seja pessoa com deficiência: R$70,40.
  • Avaliação psicotécnica: R$112,00.
  • Taxa Detran SP de exame teórico: R$40,00.
  • Taxa Detran SP de exame prático: R$40,00.
  • Taxa Detran SP de emissão da Permissão para Dirigir e envio pelos Correios: R$107,00.

 

A Divelp Veículos

Somos uma concessionária referência na venda de veículos leves e pesados, vans e utilitários novos e seminovos. Atendemos Americana e região, oferecendo ótimas condições de pagamento e um atendimento diferenciado.

Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre como tirar CNH? Deixe seu comentário. Ficaremos felizes se pudermos ajudar!

 

E-book Financiamento de caminhão: 5 passos práticos para fechar negócio - baixe agora!

0 0 vote
Article Rating

 

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments