Van parada: evite problemas após a quarentena

Por Divelp em Notícias, Van - 16/04/2020

 

Van parada: evite problemas após a quarentena

Você sabe como evitar problemas por deixar a van parada? Confira neste artigo.

Neste tempo em que o pedido é que as pessoas fiquem em casa, provavelmente seu automóvel tem ficado parado na garagem. Entretanto, van parada por longos períodos pode exigir um cuidado extra.

Pensando nisso, elencamos algumas dicas que vão ajudar a evitar problemas. Veja a seguir.

 

É preciso ligar o motor?

Alguns especialistas afirmam que veículos com a manutenção em dia podem ficar até 15 dias parados, sem risco algum de problemas. No entanto, se a bateria já se encontra no fim de sua vida útil, o carro pode ficar sem energia em dois ou três dias caso não seja ligado.

Existem ainda especialistas que recomendam ligar o automóvel por 10 minutos ao menos uma vez por semana. Mas isso só pode ser feito em garagens abertas e bem ventiladas, caso contrário os gases do escapamento – altamente tóxicos – podem envenenar por monóxido de carbono.

Aos automóveis híbridos, o recomendado é, além de dar uma partida de 20 minutos a cada duas semanas, manter carregadas as baterias de alta tensão, evitando a carga abaixo de 50% por mais de três meses.

 

Artigos Relacionados

 

Desconectar cabos da bateria

Os mais precavidos também podem desconectar os cabos da bateria para que ela mantenha sua carga por mais tempo. Esse é um procedimento que pode ser feito apenas por um especialista, já que qualquer descuido pode gerar um curto-circuito e até incêndios.

Entretanto, essa ação pode fazer com que o alarme pare de funcionar e o sistema de som perca suas configurações, levando o proprietário a ter recolocar a senha de codificação do rádio, dependendo do modelo do veículo.

 

Calibrar os pneus

Um cuidado que pode ser aplicado a todos os veículos é calibrar os pneus até o índice máximo recomendado pelo fabricante, que normalmente corresponde à calibragem de quando o carro irá rodar carregado. Isso ajuda a evitar que os pneus murchem demasiadamente e fiquem deformados com o contato prolongado com o chão.

Calibrar os pneus - Van parada: evite problemas após a quarentena

Calibrar os pneus até o índice máximo recomendado pelo fabricante ajuda a evitar que eles murchem demasiadamente e fiquem deformados com o contato prolongado com o chão.

Troque o fluido lubrificante quando tudo passar

Utilizar o carro para ir ao mercado ou farmácia faz com que ele rode poucos quilômetros e não permite que o óleo alcance a temperatura ideal de funcionamento. Essa ação contamina o óleo do motor com combustível, o que gera impacto a médio prazo no automóvel.

Por isso, no fim da quarentena, é importante fazer a troca do fluido lubrificante, mesmo que o carro não tenha atingido os prazos para isso.

 

Carro precisando trocar o óleo

Mesmo que o carro esteja próximo da troca de óleo, esse não é um grande problema, pois o óleo não estraga se ficar poucos meses além do prazo no motor parado. Normalmente, as trocas são recomendadas a cada 12 meses ou a cada 10 mil quilômetros, entretanto as próprias marcas estão adiando as revisões, para não haver exposições desnecessárias.

 

Limpeza

Para manter protegida a van parada, a dica é cobri-lo com uma capa para evitar o acúmulo de poeira sobre a pintura, mas antes, o ideal é limpá-lo, pois apesar das capas terem forro interno macio, se o carro estiver sujo, a poeira pode riscar a lataria. A higiene também vale para a cabine, que ficará fechada por alguns dias.

 

Quando for rodar

Quando chegar a hora do carro voltar a rodar, basta tomar o cuidado de evitar acelerações intensas e altas rotações até que o trem de força tenha atingido a temperatura ideal de funcionamento.

Ficou com alguma dúvida sobre como proceder para evitar problemas com van parada ou tem alguma dica? Deixe seu comentário!

Renault Master - Bônus tanque cheio

0 0 vote
Article Rating

 

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments