6 Orientações para a retomada das atividades no transporte escolar

Por Divelp em Van, Notícias, Dicas - 09/07/2020

 

6 Orientações para a Retomada das Atividades no Transporte Escolar

Devido à pandemia do coronavírus, as escolas estão fechadas desde março, mas a volta às aulas de maneira gradativa já está sendo planejada. Sendo assim, o transporte escolar também deverá voltar a atuar.

Contudo, para a retomada das atividades no transporte escolar, uma série de cuidados deverão ser tomados para a contenção da disseminação do vírus.

Por isso, trouxemos orientações para que a retomada das atividades no transporte escolar seja feita de forma responsável, e garanta a seguridade não apenas dos clientes, como também dos profissionais responsáveis pelo transporte escolar.

 

Artigos Relacionados

 

Orientações para a retomada das atividades no transporte escolar

Veja a seguir as principais orientações para a retomada das atividades no transporte escolar:

 

1.  Atenção aos decretos

Os decretos devem ser levados em consideração para a retomada das atividades. Portanto, dê atenção às medidas do poder público, assim como aos decretos vigentes em conformidade com a sua região/município, que regulamentam e regem o funcionamento do transporte escolar.

Caso haja informações divergentes entre os regulamentos, a recomendação é seguir as orientações mais rígidas, com requisitos estabelecidos por entidades, como:

Desse modo você estará priorizando não apenas a saúde dos seus clientes, como também a sua. 

 

2.  Protocolos de higiene 

Como o transporte escolar pode ser considerado um ambiente de alto risco e aumento de contágio, devido ao grande número de pessoas em um pequeno espaço, com ventilação limitada, pouca distância entre os passageiros e contatos físicos, principalmente no embarque e desembarque, torna-se essencial garantir o reforço na higiene e também o distanciamento social para que a retomada das atividades no transporte escolar seja feita de maneira consciente e responsável.

Portanto, para evitar os riscos de contágio, é necessário seguir os Protocolos de Higiene recomendados pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e demais entidades que regulamentam as medidas de prevenção e combate a disseminação do novo coronavírus. As medidas preventivas podem ser destacadas como:

  • Higienização constante das mãos com água e sabão ou álcool gel;
  • Uso obrigatório de máscaras por todos (passageiros e motoristas);
  • Desinfecção das superfícies do veículo;
  • Medidas que aumentam o distanciamento entre os passageiros nos momentos de embarque e desembarque do veículo;
  • Assim como o distanciamento entre os passageiros nos assentos, que pode ser também realizada através da diminuição na quantidade de passageiros por viagem.
Álcool em gel - 6 Orientações para a Retomada das Atividades no Transporte Escolar

Higienização constante das mãos com água e sabão ou álcool gel é uma das medidas preventivas essenciais.

 

3. Instrução sobre o uso das máscaras

É importante salientar que todos devem utilizar as máscaras segundo as recomendações da OMS, mas que estas sejam usadas da maneira correta, portanto, confira as instruções a respeito do seu uso.

  • A máscara deve cobrir totalmente boca e nariz sem que haja espaços nas laterais.
  • Antes de colocá-la, as mãos devem ser higienizadas com água e sabão ou álcool gel.
  • Durante o seu uso, ela deve ser manuseada, então, é preciso evitar o contato direto com o tecido, colocando e tirando a máscara pelo elástico.
  • A máscara é de uso individual e não deve ser compartilhada, sobretudo, seu uso não substitui outras medidas de prevenção.

Outras normas de etiquetas deve ser utilizadas por todos, como cobrir boca e nariz com a parte interna do cotovelo ao tossir ou espirrar.

Máscaras - 6 Orientações para a Retomada das Atividades no Transporte Escolar

Segundo as recomendações da OMS, todos devem utilizar as máscaras.

 

4. Readequação à nova realidade de convivência 

O “novo normal” exige que todas as atividades passem por uma readequação de convivência. Com isso para a retomada das atividades no transporte escolar, se faz necessário:

  • Fornecer álcool em gel aos passageiros na entrada e saída do veículo;
  • Diminuir o número de passageiros para minimizar o contato entre os eles;
  • Promover o distanciamento mínimo entre as pessoas nas filas de embarque e desembarque do veículo para evitar aglomeração (distância mínima de 1,5 metro);
  • Propiciar a boa ventilação no veículo.

Além disso, é necessário pensar em pequenas mudanças de operação que podem alterar toda a logística do serviço, pois com o intuito de diminuir o contato entre os passageiros e aumentar o distanciamento entre assentos (deixando lugares vagos), será necessário aumentar a quantidade de viagens a ser feita para atender o público e, por consequência, o mesmo trajeto terá que ser realizado mais vezes, o que pode aumentar os custos.

Portanto, todas as medidas devem ser pensadas para que as recomendações de higiene sejam atendidas.

Receba novidades em seu email

 

5. Atenção à desinfecção do veículo

Com o intuito de evitar o contágio do vírus, o veículo deverá passar por limpeza e desinfecção das superfícies tocadas, no início e no final de cada turno, seguindo os procedimentos de higiene de maneira correta e regular.

Inclusive deve haver o fornecimento de ventilação adequada quando os produtos químicos estiverem em uso, com portas e janelas abertas durante a limpeza.

No momento de limpeza, os profissionais também devem utilizar luvas descartáveis; limpar as superfícies duras do veículo com produtos antimicrobianos, soluções diluídas de alvejante doméstico e soluções com álcool 70%; e nas superfícies macias ou porosas, utilizar produtos de limpeza indicados para uso nessas superfícies. 

Para superfícies eletrônicas tocadas frequentemente, o ideal é remover a sujeira visível e desinfetar seguindo as instruções do fabricante.

Confira dicas de como higienizar o veículo nos artigos Coronavírus: como desinfetar o interior da van e Coronavírus: Quais são as orientações de higiene no transporte executivo?

Terminada a limpeza e desinfecção dos veículos, as luvas e outros EPIs descartáveis devem ser removidos e descartados corretamente.

Imediatamente após a remoção das luvas e do EPI, lavar as mãos com água e sabão.

Os uniformes ou roupas de trabalho usados durante a desinfecção devem ser lavados imediatamente após a limpeza do veículo.

Desinfecção do veículo - 6 Orientações para a Retomada das Atividades no Transporte Escolar

As superfícies duras do veículo devem ser limpas com produtos antimicrobianos, soluções diluídas de alvejante doméstico e soluções com álcool 70%; e nas superfícies macias ou porosas, deve-se utilizar produtos de limpeza indicados para uso nessas superfícies.

 

6. Transmita confiança, segurança e empatia aos clientes 

Após a pandemia, alguns fatores irão nortear as relações de compras, principalmente a confiança e segurança.

Desse modo, é essencial transmitir não apenas confiança, como também segurança e empatia aos clientes, principalmente aos pais que irão avaliar as atitudes preventivas e os itens de segurança adotados pelo serviço de transporte escolar.

Como o fator de decisão emocional será muito importante para os pais, transmitir aos clientes que você se importa com a segurança e prioriza as normas e regulamentos para evitar a disseminação e contágio do coronavírus, sem dúvida alguma, fará a diferença para a sua prestação de serviços.

Portanto, siga corretamente todas as recomendações e normas para que a retomada das atividades no transporte escolar seja realizada de maneira responsável.

 

Ficou com alguma dúvida ou quer mais orientações sobre o assunto? Deixe seu comentário. Será uma satisfação para nós!

0 0 vote
Article Rating

 

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments